Um grande mistério – Por Pra. Elza Amorim Carvalho

47

Ele mostrou a você, ó homem, o que é bom
e o que o Senhor exige:
pratique a justiça, ame a fidelidade e ande humildemente com o seu Deus. Miquéias 6:8

O que será que envolve tanto a humanidade ao ponto de ela esquecer-se do seu Criador?
O que leva as pessoas a acreditarem que podem prosseguir na vida sem a ajuda de Deus?
O que faz o homem achar-se auto-suficiente e pensar que ele seja capaz de vencer pelos os seus próprios esforços?
Oh ignorante soberba!

Que insensatez domina a mente humana, quanto desvarios é se achar independente de Deus.
Nunca a criatura consegue viver sem o toque ou a orientação de que lhe permitiu existir.
Vejamos um filho, quando ele resolve se desertar e seguir os seus próprios caminhos.
Ele fica desorientado o tempo todo, e muitas vezes, vai para sarjeta,  torna-se como escória da Sociedade,  aquele que consegue sobreviver, fica aprisionado em sua  subconsciencia, o sentimento de fracasso sempre estará presente em sua vida,  exatamente porque, este, abriu mão da sua base forte, aquela que lhe trouxe ao mundo.

Sem a direção de Deus a alma humana esmera na escuridão, e perto estar de ficar submersa naquilo que ela nem sabe que existe.
Há mistérios que não são  entendíveis, obscuros, a nós.
Há linhas traçadas para se caminhar, que nunca iremos saber o desenrolar do seu percurso.
Há fatos que envolve e enlaça o viver, que homem algum, por mais sábio que ele seja, saberá.
Deus, fez tantas coisas ocultas ao nosso saber,  exatamente para o homem viver na sua sombra,  e buscar depender do seu querer.

Sem Deus, o homem é apenas um vulto, passa mais rápido do que o vento, e o seu destino será, chegar a lugar nenhum.
Sem Deus, o homem é um espaço oco, ocupado por nada, acorrentado em seus medos, seguindo no caminho do fracasso.

Pra. Elza Amorim Carvalho
@Praelzacarvalho
# nas redes sociais.
Email: elzacarvalho68@ gmail.com

Comentários