Somente um Deus gracioso salva – Por Pr. Olavo Feijó

144

Isaías 55:8 – Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os meus caminhos, diz o SENHOR.

Revelando-se através do profeta Isaías, “o Senhor Deus diz – Os Meus pensamentos não são como os seus pensamentos e Eu não ajo como vocês” (Isaías 55:8). Por que o Senhor decidiu fazer tal declaração?

Porque a característica natural dos sistemas religiosos inventados pelos humanos é a de criar seus deuses à imagem e semelhança das pessoas. Só que os seres humanos, limitados por sua vaidade, nunca conseguiram viver o poder revolucionário do “Deus é amor”, revelado na carta de João (I João 4:16).

A “graça de Deus” é o poder do Seu amor por nós, capaz de restaurar as deformações que sofremos, por causa do pecado. Pregar a Cristo é viver o Seu amor, que devemos sentir pelos outros. A graça de Cristo é a força espiritual que nos permitirá viver no “novo céu e nova terra” (Apocalipse 21:1-5). Até lá, entretanto, devemos viver como missionários da graça de Deus, para que “os homens vejam as coisas boas que vocês fazem e louvem o Pai de vocês, que está no céu” (Mateus 5:16).

 

Pastor Olavo Feijó, nascido em 1930, é Bacharel em Teologia pelo Seminário do Sul, licenciado em Pedagogia pela UERJ, Mestre em Educação Cristã e Doutor em Educação, pelo Southwestern Seminary, Estados Unidos, e Pós-Doutor em Psicologia Desportiva, pela Universidade de Maryland, Estados Unidos. Professor Titular de psicologia, especialista em Percepção e Motivação. Foi pastor no Brasil e nos Estados Unidos. Consultor de relacionamentos humanos. Autor e co-autor de vários livros. Foi professor no Seminário Batista do Sul do Brasil e em universidades no Brasil, Estados Unidos, Paraguai e Chile. Casado com a psicoterapeuta Dra. Cristina Feijó.

Comentários