Publicada em 13/08/2017 às 09:32

O homem ímpio

E tomou Lameque para si duas mulheres... E disse Lameque a suas mulheres: eu matei um homem, por me ferir, e um jovem, por me pisar. (Gênesis 4:19, 23).

E tomou Lameque para si duas mulheres... E disse Lameque a suas mulheres: eu matei um homem, por me ferir, e um jovem, por me pisar. (Gênesis 4:19, 23).

Quem já ouviu a história de Lameque? É uma pena se você não ouviu, pois ele tem uma mensagem para nós. Mesmo que milhares de anos tenham se passado desde que Lameque viveu, ele se encaixa muito bem em nossos dias. Isso é algo fascinante sobre a Bíblia: ela é sempre atual.

Lameque era um descendente de Caim, o primeiro assassino. Ele era um homem independente que não se importava com Deus, mas seguia suas próprias ideias. A tradição oral de contar a história familiar, realmente funcionava, pois Lameque cita algo que Deus disse, uma vez, a respeito de Caim (Genesis 4:15 e 24). Lameque, aquele homem violento, transgrediu o princípio de monogamia de Deus. Ele casou-se com duas mulheres. Deus viu isso em silêncio, mas Ele definitivamente registrou o ato errado de Lameque. Notemos: quando Deus está em silêncio, isso não quer dizer que Ele concorda.

Os violentos são geralmente celebrados como heróis. Lameque era um homem de pavio curto. Ele não aceitava muitas coisas, fosse injúria ou insulto. Ele retaliava, a ponto de matar o ofensor, mas ainda havia algo pior: ele chegou a compor um poema acerca disso, e recitou o mesmo para suas esposas glorificando a violência!

E Deus continuou em silêncio. Nada aconteceu, não houve punição, nem acidente, nem catástrofe. Tudo seguiu seu curso, as pessoas comeram, beberam e se casaram como sempre. Então, subitamente, aconteceu o grande dilúvio e nem um ímpio escapou, incluindo Lameque.

Caro leitor, receba a advertência, Deus não ignora o pecado. "Deus há de trazer a juízo toda a obra" (Eclesiastes 12:14).

Autor: chamada.com.br
Fonte: chamada.com.br

Comente com o Facebook