Publicada em 11/06/2018 às 17:06

Manifestantes saem novamente às ruas na Nicarágua

Desde 18 de abril, o país vive um clima de tensão, registrando mortos e feridos durante as manifestações contrárias ao governo do presidente Daniel Ortega.

 

A Nicarágua deverá viver hoje (11) mais um dia de manifestações. Há protestos programados para várias cidades que reúnem manifestantes que clamam por paz. Desde 18 de abril, o país vive um clima de tensão, registrando mortos e feridos durante as manifestações contrárias ao governo do presidente Daniel Ortega.

Ontem (10), manifestantes saíram às ruas, em Manágua, e houve confrontos com forças policiais. Nicaraguenses que vivem no exterior promovem uma campanha de apoio, cujo nome #NicaraguaQuierePaz obtém apoio na Espanha, Bolívia, Venezuela, Panamá, Honduras, Guatemala, Estados Unidos, Paraguai e Brasil.

O governo alega que há uma provocação sem precedentes e que o objetivo é derrubar Ortega. Ele é acusado de autoritarismo e de agir com violência contra os manifestantes.

Nas ruas das principais cidades da Nicarágua, há embates freqüentes entre manifestantes e forças policiais em locais públicos e privados, como empresas de comunicação. As universidades também têm sido alvos de confrontos.

Os protestos foram deflagrados em reação à reforma da Previdência, em seguida incluídas outras demandas, como a repressão e a falta de liberdade de expressão no país.

*Com informações da Prensa Latina, agência pública de notícias de Cuba.

Autor: Agência Brasil
Fonte: Agência Brasil

Comente com o Facebook