Publicada em 11/08/2017 às 12:46

Eduardo Botelho (PSB) destaca a importância de investimentos em logística

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (PSB) voltou a defender investimentos para a área de Infraestrutura de Mato Grosso.

http://www.eduardobotelho.com.br/wp-content/uploads/2017/08/20170807_00021328.jpg

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Eduardo Botelho (PSB) voltou a defender investimentos para a área de Infraestrutura de Mato Grosso. O pronunciamento foi feito nesta segunda-feira (07.08) na ALMT, no ‘Seminário O Futuro da Logística: Perspectivas e Cenários’, de iniciativa da Comissão de Infraestrutura Urbana de Transportes em parceria com o Senado Federal.

“Para um estado mais forte é preciso intensificar o setor industrial. Para isso, a logística é fundamental. Nosso estado por ser muito grande sofre muito com essa questão, pois o escoamento depende da logística. Essa discussão e as ordens de serviços firmadas hoje são medidas necessárias para diminuir o custo dos nossos produtos”, afirmou o presidente, ao chamar a atenção sobre a importância de se fiscalizar a qualidade dos serviços executados. Botelho citou obras nas proximidades de Jangada, que já apresentam problemas e, mesmo assim, há cobrança de pedágio.

“Por isso, este evento é muito importante com a participação de renomados palestrantes, com certeza, dará bons resultados”, frisou o presidente, ao destacar a transmissão, ao vivo, pela TV Assembleia.

Valter Casimiro Silveira, diretor-geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), disse que a proposta de investimentos no arco norte pretende valorizar as BRs 364, 163, 155, 158. Ressaltou que, atualmente, 80% da produção do país vai para o Sudeste e Sul nos Portos de Paranaguá, Santos e do Rio Grande e que a intenção é a de possibilitar que parte da carga de Mato Grosso vá para o Norte, dando condições de competitividade no mercado internacional. “O movimento pró-logística tem negociado com o Canal do Panamá a redução dos custos para que facilite ainda mais o escoamento pela região norte. O DNIT vem desenvolvendo ações para concluir a pavimentação da BR-163 e duplicar o trecho que está faltando, assim como das BR 364, 158 e 155”, afirmou Cassimiro.

Da mesma forma, o deputado federal Fabio Garcia reforçou maior competitividade para Mato Grosso e listou o trabalho que a bancada vem realizando. “No primeiro ano do mandato a bancada destinou emendas impositivas para a pavimentação asfáltica da BR-174. Além de contribuir nas discussões dos orçamentos para que parte dos recursos federais sejam destinados aos órgãos que financiam o setor de infraestrutura de Mato Grosso, como Dnit e Ministério dos Transportes. Também atuamos na questão de logística aeroportuária para que a concessão do Aeroporto Marechal Rondon seja feito em conjunto com os aeroportos do interior”.

O senador Wellington Fagundes (PR), presidente da Frente Parlamentar de Logística de Transportes e Armazenagem, destacou que um Estado como Mato Grosso, de dimensões continentais e expressiva produção agropecuária, precisa estar permanentemente discutindo alternativas, perspectivas, cenários para planejar melhor o desenvolvimento logístico do Estado. “Por estar no centro do Brasil, as distâncias para os portos, para a exportação, para nós sempre são o grande problema. Ou seja: a logística de transporte para viabilizar o desenvolvimento do Estado é aquilo que nós temos trabalhado há tanto tempo e, por isso, queremos discutir alternativas para promover o desenvolvimento do nosso Estado” – salientou.

Durante o evento, em parceria com o Ministério dos Transportes, foram emitidas ordens de serviço para construção de oito pontes ao longo da BR-242, no trecho entre Nova Ubiratã e Querência, na região do Vale do Araguaia. Também o lançamento das obras de duplicação da BR-163, no trecho entre Cuiabá e Serra de São Vicente.

Jantar – Botelho também anunciou que receberá o governador Pedro Taques (PSDB), secretários de Estado e deputados estaduais da base de sustentação do Governo, num jantar nesta quarta-feira (09.08), em sua residência. Na pauta, assuntos relacionados às pendências do Executivo, como a demora no envio das mensagens importantes para o desenvolvimento de Mato Grosso. É o caso da PEC do Teto dos Gastos Públicos e as reformas Administrativas e Tributárias.

De acordo com Botelho, expectativa é que o governador apresente um cronograma estipulando o encaminhamento das propostas, inclusive, no que se refere ao pagamento das emendas. “Vamos alinhar para que as coisas comecem a andar como desejamos. Sou parceiro e amigo do governador”, disse o Botelho, que recebeu o governador para café da manhã, hoje, em sua residência.

Autor: ASSESSORIA
Fonte: O NORTÃO

Comente com o Facebook